terça-feira, 31 de julho de 2012

Entrada ou Acompanhamento...com uma Brisa vinda do Mar


Gosto de pratos versáteis e de preferência que agradem a uns e a outros.., o que nem sempre é possivel, bem sei. Nesta altura do ano, as horas passadas na cozinha reduzem-se ao minimo, há outras motivaçoes à espreita :)  a praia a 5 minutos de casa é um bom exemplo ...



A salada de hoje, prepara-se num ápice, é só preciso gostarem dos ingredientes, e torna-se sempre possivel juntar mais uns quantos a gosto.
Para os filhos, servi acompanhada com filetes de peixe espada preto. Preparam-se com tempo, até de véspera, e comem-se muito bem no dia seguinte. Entretanto a salada já melhorou o seu paladar, porque absorveu os temperos, está fresca e aprecia-se melhor.
Se necessário adicionar mais um fio de azeite na altura de servir, e envolve-se bem.

Ingredientes para 4 pessoas:

1 frasco de grao cozido e escorrido
1 cebola média picada
6 a 8 tomatinhos de rama cortados em cubos ( maduros mas firmes)
4 dentes de alho picados finamente
coentros frescos picados a gosto
azeitonas
broa de milho cortada em cubos
azeite de boa qualidade
sumo e raspa de limao
flor de sal a gosto
pimenta a gosto

Preparar:

Juntar todos os ingredientes dentro de uma saladeira, temperar, envolver, e levar ao frigorifico, servir bem fresco. Se consumido no dia seguinte ainda fica melhor!


Para os filetes :

Comprar filetes de peixe espada, cortá-los em casa em pequenos rectângulos, temperá-los com sal, pimenta e limao.
Aquecer 2 dedos de azeite numa frigideira, passar os filetes por ovo batido, depois por farinha de milho, e por fim envolve-los em pao ralado, levá-los a fritar. Retirar, e deixá-los em cima de papel absorvente, até que fiquem bem secos.




Notas: Hoje estou com problemas com os acentos gráficos ( ~) e (^ ) nao foram esquecidos :)
Agradeço a todos, as simpáticas visitas e comentários deixados, assim que me for possivel retribuirei.
Abraços!

sábado, 28 de julho de 2012

Romeu e Julieta, um Bolo Cheio de Amor

Há muito que tinha vontade de "mergulhar" na arte dos bolos criativos. Por inúmeras razões , esta minha vontade foi sendo adiada por algum tempo. Mas como acredito, que a nossa vontade move montanhas, aqui está a prova disso, surgiu a oportunidade do primeiro workshop, e daí para cá, sei que não quero parar. A palavra de ordem, aprender mais, mais e mais!
Hoje partilho convosco o meu primeiro bolo de 2 andares, lembrem-se que ainda estou a dar os primeiros passos nesta arte, a perfeição vem com a prática, como em tudo na vida;)
Escolhi o amor como tema para o bolo, dei aos meus personagens os nomes ; Romeu e Julieta.
É importante dizer que dei umas boas gargalhadas quando estava a modelar os bonecos, reparem nas  "mamocas" da Julieta, será silicone? E a cara de " tonto" do Romeu..., a paixão faz-nos ficar assim :))
Espero que gostem, foi um prazer enome fazer este bolo.

A receita do bolo está aqui, para um bolinho maior convém dobrar as quantidades.  Recheei com compota de pêssego .








Quero agradecer à Raquel minha formadora, todo o apoio que me tem dado. É uma excelente profissional, transmite-nos de forma simples e clara, todo o conteúdo dos workshops, e mais..., tem uma paciência sem limites :)
Um grande beijinho.


quarta-feira, 25 de julho de 2012

Chá Gelado em Companhia de Estrelas



A proposta é fresquinha, um delicioso chá de frutos, perfumado com estrelas de anis.  Esta especiaria marca bem a diferença no nosso chá.
Outro dia, em casa de uma amiga fui surpreendida por esta bebida. Achei interessante a forma como os aromas se fundem na bebida, tornando-a refrescante e muito agradável.
A simplicidade, e rapidez com que se prepara, também a faz merecer lugar de destaque.



Para 4 copos:

1 litro de água fervente
2 a 3 pacotinhos de chá de frutos tropicais ( de preferência de boa qualidade, usei biológico)
4 estrelas de anis
mel ou açucar mascavado para adoçar a gosto ( ou podem omitir )
pedras de gelo


Preparar o chá de acordo com as instruções do fabricante, junte também à infusão as estrelas de anis, deixe repousar cerca de 10 minutos.
Deixe arrefecer.
Adoce, se gostar.
Leve ao frigorifico para que fique muito fresco, é importante que fique mesmo geladinho.
Na altura de servir, adicione umas pedras de gelo, uma rodela de limão ou laranja .
A palavra que se impõe: Desfrutem!


sexta-feira, 20 de julho de 2012

Ricotta, Tomate, Cebolinho, Juntos no Prato



A cumplicidade de alguns ingredientes é fantástica.  Gosto de a observar. Estes que vos trago hoje, são prova disso, experimentem e depois digam alguma coisa.
Uma boa sugestão para aqueles que depois da praia, não se importam de fazer refeições leves...




Os ingredientes que usei:

1 embalagem de queijo Ricotta
tomate cereja 250g  a 300g ( pode ser outro )
pão fresco e de boa qualidade ( daquele muito saboroso) vocês sabem :)
cebolinho
pimentas moídas na altura
oregãos
azeitonas cortadas em rodelas


Curiosidade:

Queijo Ricotta
É um derivado de queijo de massa mole, fresco e baixo teor de gordura.
Não é um queijo propriamente dito, uma vez que é preparado com o soro, e não o coalho.
A sua produção, ao contrário da maioria dos queijos, é feita não a partir de leite, mas a partir do soro de queijo, o que lhe confere a característica especial de um alto teor de soro-proteínas , que são em geral, mais nutritivas que as proteínas dos queijos normais (cuja principal proteína na composição é a caseína).
Fonte: wikipédia

Tudo isto bons motivos para comermos Ricotta, não concordam? Ah..., é importante dizer que é delicioso!
Podem regar ou pulverizar os cereja com azeite aromatizado, eu escolhi alho e alecrim.


terça-feira, 17 de julho de 2012

Omelete de Frango e Espargos Brancos



Quantas vezes chegamos a casa, e nos perguntamos o que fazer para o jantar? Sem resposta imediata, vasculhamos o que há no interior do frigorifico, deste, passamos à despensa, e de lá vamos traçando o "alinhamento" possivel da refeição que está nas nossas mãos...., ainda a esboçar a refeição, chega a pergunta, o que é o jantar?  De tigela de frango na mão, ovos na outra, olhar preso ao frasco dos espargos brancos, respondo com um sorriso descontraído "omelete de frango e espargos brancos". DONE!


Ingredientes:

Devem ajustar a quantidade dos ingredientes ás barriguinhas que têm para alimentar :)

ovos ( 2 por pesssoa )
um frasco de espargos
sobras de frango assado ou cozido, desossado e desfiado
1 colher de chá de manteiga ou margarina
1 cebola picadinha
uns pézinhos de coentros ou salsa frescos picados
azeitonas cortadas ás rodelas ( opcional)
flor de sal
pimenta moída na altura

Preparação:

Bater os ovos, temperar com flor de sal e pimenta, escorrer, cortar os espargos em peças pequenas.
Aquecer uma frigideira anti-aderente com uma colherzinha de manteiga  ou margarina, adicionar a cebola, deixar estalar um pouco.
Verter os ovos, e de seguinda os restantes ingredientes, deixar que estes cozinhem até que seja possivel, começar a enrolar devagarinho a omelete, suavemente para não quebrar. Voltar a omelete, deixar cozinhar mais um pouco, desligue o lume para que não seque demasiado. Sirva com o acompanhamento que mais gostar.




Gostaria de vos lembrar, que participei no desafio "Cozinhar, Celebrar e Partilhar", lançado pela Bárbara do Arco íris na cozinha. Tendo ficado entre as cinco escolhidas , peço-vos o favor de votarem na receita que mais vos agrada, se for a minha,  ficarei muito grata e feliz.
Basta que cliquem aqui, e encontrarão na barra lateral direita, as receitas que estão a votos.
Obrigada a todos.

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Sushi de Melão com Presunto



De Sushi apenas tem o nome, pois falta-lhe o ingrediente principal do Sushi tradicional, o arroz. Mesmo assim resolvi não lhe trocar o nome, seja então Sushi de Melão com Presunto.
Retirei esta receita de um  livro que me foi oferecido por uma amiga, guardo-o com a máxima estima.Traz umas fotos lindas e muito sugestivas, o título do livro é " Refeições Rápidas" da cozinha essencial. Quando o leio, apetece-me ir até à cozinha fazer uma das suas práticas e deliciosas receitas. Apesar de já ter testado algumas delas, só hoje consegui partilhar esta, fiz o registo (fotos), antes de colocar no frigorifico, espero que gostem.
Os melões andam óptimos, e num destes dias preparei esta entrada para receber uns amigos.



Ingredientes para 4/ 6 pessoas:

2 melões ( usei apenas 1, com quase 3 kilos)
10 cl de vinagre bálsamico ( usei Figo & Canela da Creative)
1 embalagem de presunto fatiado ( usei cerca de 250/ 300 gramas)
1 colher de sopa de flor de sal ( reduzi um pouco)
pimenta moída na altura

Preparação:

Corte os melões ao meio, retire as sementes e descasque-os. Corte-os em pedaços rectângulares.
Num tacho em lume brando, reduza o vinagre até metade ( saltei esta parte, pois usei uma redução de vinagre), reserve para arrefecer.

Descarte a gordura existente no presunto. Corte o presunto em tiras finas e disponha em cima do melão; tempere com a flor de sal e pimenta. Humedeça os " Sushi" com vinagre bálsamico, decore com salsa ou hortelã. Sirva muito fresco.

Alternativa: Em vez de utilizar presunto, pode usar pato fumado. O melão também pode ser substituído por figos ou pêssegos.





                                        Bom fim de semana para todos!

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Compota de Cenoura e Maçã com Açucar Gelificante


Hoje partilho uma compota, que nada tem de original, a não ser o facto de estar a utilizar pela primeira vez, o açucar gelificante.
Para os que não conhecem, este açucar permite suprir (e equilibrar), a falta de pectina em certos frutos, o que dificulta a sua geleificação. Assim sendo, a pectina comercial , é usada para encurtar o tempo de cozedura dos frutos, evitanto assim tempos muito longos de cozedura, até que consigamos as polpas no ponto certo de geleificação.
As maçãs no geral apresentam bons teores desta fibra, contudo a minha curiosidade por testar o produto ignorou factos... tinha que experimentar e pronto!  



Gostei da rapidez com que se consegue o ponto. Como queria ver o resultado de perto para poder comparar resultados, fi-la pelo método tradicional,  numa panela alta.

Ingredientes:

400 g de cenouras
400 g de maçãs
300 g de açucar gelificante
1 pau de canela
1 cravinho
100 ml de água
1 colher de sopa de sumo de limão
casca de 1 limão

Notas: No pacote do açucar gelificante, sugerem 500 g de açucar por kg de fruta, reduzi um pouco e achei suficiente, depende dos gostos.
Na preparação poderá ser necessário juntar mais água, é uma questão de  ir vigiando, para ver o que acontece.

 A preparação:

Lave as cenouras e as maçãs. Apenas descasque as maçãs , depois de descaroçá-las e parti-las em pequenos pedaços, regue com o sumo do limão. Cortar também as cenouras, mantendo-as com a pele.
Numa panela com 100 ml de água fervente, adicionar a casca do limão, o cravinho e o pau de canela. Junte as cenouras e maçãs, tape, e deixe cozer cerca de 10 minutos. Assim que verificar que estão cozidas, retire a casca do limão e triture até obter uma polpa aveludada , adicione o açucar gelificante, mexa, deixe ao lume mais uns minutos até verificar que fica no ponto pretendido.
Distribua ainda quente ( não a ferver), por frascos esterilizados, tape-os, coloque-lhes a tampa e vire-os para baixo, para que formem vácuo.
Se pretenderem aumentar a validade da compota, deverão aumentar a quantidade de açucar, e colocar entre a tampa e os frascos, papel vegetal embebido em aguardente, devem guardá-los, com as tampas voltadas para baixo.
  





terça-feira, 10 de julho de 2012

Cozinhadaduxa foi à TV




Um dia diferente, uma experiência gratificante e positiva.
Levei até à SIC, ao programa Querida Júlia, a receita do Batido de Beterraba com Maçã e Ananás, hoje o tema pedia bebidas de Verão.

A Júlia é um encanto de pessoa, bem como toda a produção, mimaram-nos imenso, quero deixar aqui o meu agradecimento pela forma carinhosa como me receberam.

Tive o gosto de conhecer pessoalmente a Filipa do blogue Receitas da Filipa, e Lurdes  Losquinhos do blogue Sabores Autênticos, ambas muito simpáticas.

A parte dificil, foi mesmo lidar com o " aumento " de tamanho que a TV nos oferece..., vou fingir que não me importo :)




terça-feira, 3 de julho de 2012

Gaspacho Alentejano para dar as boas vindas ao Verão


Chega o Verão, e com ele a vontade de voltar a fazer esta sopa fria.
Refrescante, muito perfumada pelas ervas aromáticas que utilizamos, e pelo sabor dos alhos, que tão bem a caracterizam. É singular, eu diria mesmo inesquecivel, para quem como eu, tem alma Alentejana e Algarvia.
A receita já cá está, poderão vê-la aqui.




 Do piso resulta uma pasta, que adicionamos à tigela onde vamos servir o gaspacho, misturando com a água fria. Em certas alturas de mais pressa, e menos paciência, coloco estes ingredientes ( alho, poejos ou coentros, azeite e sal), num robot de cozinha e fica tudo triturado em poucos segundos, façam-no como preferirem.
Não se esqueçam de deixar o pãozinho ficar duro ( 2 ou 3 dias será o ideal).



Quero agradecer as mensagens de carinho que tenho recebido de todos vós.

Deixei que as saudades falassem mais alto, e, vim até aqui numa "corridinha", para vos sugerir esta sopa, porque é o tempo dela. As suas características assentam na alimentação mediterrânica.Esta basicamente, consiste no consumo diário e bastante abundante de hortaliças, frutos e leguminosas, bem como em alimentos fornecedores de amido (pão, arroz, massa, batata, etc.) e na prevalência do azeite como gordura de eleição. Tudo bons motivos para fazermos um gaspacho não?

Beijinhos para todos, continuarei em " lume brando" por mais uns dias:)