Folar de Flores Recheadas [Chocolate, Avelãs e Canela]

7 de abril de 2017 0 comentarios




Corre o Abril e o mês vai tão embalado. O plano era vir até aqui deixar-vos uma receita mais cedo, mas não consegui.
Tenho aproveitado os dias bonitos para aligeirar as refeições cá de casa e fazer alguns passeios a pé, e basta-me acreditar que estou no bom caminho, porque sinto que é para continuar. Até porque este mês, conto com pelo menos três celebrações a que não posso fechar a boca, quando penso nisso...  Ah, e a Páscoa que está já ali ao virar da esquina, já se deram conta? Verdadeiras provas de fogo para quem como eu, aprecia os prazeres da boa mesa.





Hoje trago-vos o folar das flores. Rima com a Primavera e com a Páscoa, e é também o preferido dos meus filhos. Costumo pegar na receita base e fazer algumas alterações ao recheio original. Reduzi a quantidade de margarina no interior das flores, não fica seco e continua macio, preferimos assim. Também troquei o mel por geleia de arroz, juntei avelãs ligeiramente torradas e gotas de chocolate. Desta vez não adicionei erva-doce à massa. Resumidamente foram as alterações feitas este ano. Correu bem, aliás acho que esta receita pouco ou nada tem para falhar, é repetida ano após ano, com o entusiasmo de sempre.
A Bimby misturou e amassou, e as mãos levaram o carinho à massa. Rechearam, desenharam e juntaram as flores. É fácil de preparar, visualmente é muito bonito e fica com um miolo guloso e fofinho. Experimentem e logo me contam!
Aproveito para vos desejar uma Páscoa muito docinha e feliz 🐣


Folar de Flores Recheadas [Chocolate, Avelãs e Canela]

Receita ligeiramente adaptada do Figo Lampo

Ingredientes para a massa:

550 g de farinha de trigo
15 g aprox. de fermento fresco (ou cerca 7 g do biológico seco)
sumo de 1 laranja
70 ml de leite amornado
30 ml de aguardente
30 g de banha amolecida
70 g de margarina amolecida
1 ovo
1 colher de sopa de geleia de arroz (podem usar mel)
1 colher de sobremesa de canela em pó
1 pitada de sal

Ingredientes para o recheio das flores:

100 g de gotas de chocolate negro (usei da Vahiné)
50 gramas de avelãs tostadas e cortadas grosseiramente
açúcar amarelo e canela q.b.
geleia de arroz q.b. (podem usar mel)

Se quiserem amassar na Bimby:

Dilua o fermento no leite amornado.
Coloque todos os ingredientes da massa no copo da bimby com excepção da farinha.
Programe 2 minutos à temperatura de 37 º C à Velocidade 4
Junte a farinha e programe 20 segundos à velocidade 5/6
Por ultimo programe mais 6 minutos Velocidade espiga

De seguida proceda à montagem do folar*


Método tradicional :

Coloque a farinha e o sal num recipiente fundo e abra uma cavidade no centro. Desfaça o fermento no leite morno e coloque-o nessa cavidade. Junte o açúcar, a canela, as gorduras, o ovo, o sumo de laranja e a aguardente. Retire a farinha da periferia para o centro e amasse muito bem até obter uma massa macia. Coloque-a num recipiente, cubra com um pano e deixe levedar até dobrar o volume.

A montagem do folar*

Retire a massa para uma superfície enfarinhada e divida-a em 8 a 10 porções do mesmo peso (consoante o tamanho pretendido).
Pincele as flores com um pouco de margarina amolecida, polvilhe com um pouco da mistura de açúcar e canela, e leve ao forno pré-aquecido a 190 º C durante aproximadamente 30 a 35 minutos, dependendo dos fornos. Desenforme depois de frio.


Estique uma de cada vez com ajuda do rolo (deverá ficar bem fina) até obter rectângulos (aproximadamente 8 x 24cm). Pincele com um pouco de margarina derretida, polvilhe com um pouco da mistura de canela e açúcar, distribua as avelãs partidas grosseiramente e as gotas de chocolate . Por fim regue com a geleia de arroz ou com o mel (1 colher de sopa cheia) e enrole como se fosse uma torta. Proceda da mesma forma com as restantes porções de massa. 
Numa forma redonda (21cm) forrada com papel vegetal e untada com manteiga, disponha de uma flor ao centro (fiz uma maior para o centro) e as restantes em volta. Deixe algum espaço entre elas para que possam crescer no segundo processo de levedação. 
Tape a forma com um pano e deixe levedar de novo até dobrar o volume.
Se verificar que o topo começa a queimar cubra a forma com papel de alumínio.
retire do forno e ainda quente pincele a superfície com um pouco de geleia de arroz ou em alternativa um pouco de mel.





partilhar esta receita

0 comentários

Obrigada por deixar comentário.