Pão Rústico de Centeio [Amassado à Mão]

22 de janeiro de 2014 15 comentarios






Continuo cheia de vontade de amassar o nosso pão. Será do tempo? Não sei, tenho andado assim.
Por mim as máquinas cá de casa continuarão em pausa. Estou a adorar dar conta do recado sozinha!
Este mais denso que o da semana passada, tem mais centeio a liga com o trigo fica tão facilitada, na minha opinião mais saboroso. A ver se crio disposição para também começar a fazer os "iscos" das massas, aí sim falamos de pão à séria!



Pão Rústico de Centeio [amassado à mão]


Ingredientes:

300 ml de água morna
15 g de fermento fresco de padeiro
1 colher de mel ou de açúcar mascavado
2 colheres de sopa de margarina amolecida ou azeite
300 g de farinha de trigo (usei T.65)
200 g de farinha de centeio
2 colheres de sopa de leite em pó
1 colher de chá de sal fino
+ farinha de centeio q.b. para polvilhar o pão

Notas: Podem optar por substituir a água por leite


Método à mão :

Amorne a água e dissolva o fermento. Junte a margarina amolecida e o mel.

Deite para dentro de um recipiente alto as farinhas misturadas com o leite em pó e o sal.

Faça uma cavidade a meio e vá adicionando a água. Vá amassando com uma mão e deitando o liquido com a outra. Sove a massa com as mãos e os punhos. Continue a amassar até obter uma massa elástica e moldável, o ideal será cerca de 10 minutos. Junte farinha se achar necessário para que se solte das mãos.

Forme uma bola embrulhe em filme (pelicula) aderente, tape com um pano e deixe levedar em local abrigado até dobrar o seu volume (são cerca de 30 a 45 minutos).

Forre um tabuleiro de ir ao forno com papel vegetal, dê forma ao pão, com uma faca bem afiada defina um corte na massa apenas à superfície, polvilhe com farinha de centeio e deixe a levedar
segunda vez por mais 30 minutos. Poderá ser dentro do forno pré-aquecido nos 50º C, depois de atingir esta temperatura desligue o forno.

Findo este tempo, pré-aqueça o forno nos 200ºC e coza o pão cerca de 30 a 35 minutos dependendo dos fornos e do gosto de casa um. Este meu esteve 35 minutos ficou mais douradinho.







 
 

A compota é de manga se desejarem podem consultar aqui



 
 
Loiças da Coleção "Chita de Alcobaça" Memória Lusa 
 
 
Um abraço para todos!
 
 
 


partilhar esta receita

15 comentários

  1. Adoro pão de centeio Duxa e este está perfeito e a louça é linda, linda!!
    Beijinhos,
    Lia.

    ResponderEliminar
  2. Que maravilha de pão. Adorei. Deve ter ficado mesmo bom. bjs

    ResponderEliminar
  3. Olá Dulce
    Ainda bem que só com o olhar não se engorda ;-)
    Como não vinha cá á algum tempo estive a ver as tuas delicias..... e que delicias, fiquei com vontade de fazer pudim também quando vi o teu, e aqueles bolinhos de chocolate!!!! ai ai maldita dieta ;-)

    Também gosto muito de fazer o meu pão, e sai sempre tão bem :-) os teus também estão lindos
    Beijokas

    ResponderEliminar
  4. Pão à séria,sim senhora!!Ficou lindo e quando se tem o trabalho de amassar por nós parece que o sabor é bem diferente!!!Eu confesso sou preguiçosa nesse aspecto, gosto de poupar o esforço mas já amassei muito à mão e por isso talvez saiba ver se a massa está ou não no ponto certo.
    Também ando virada para os pães e ainda ontem comprei farinha de espelta para me aventurar nuns pãezinhos...
    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
  5. Que rico pão... deve estar tão saboroso, nada melhor que pão caseiro.
    Bjinhos*

    ResponderEliminar
  6. Eu cá acho que não há nada mais terapêutico que amassar uma massa de pão à mão! As máquinas são muito práticas para o dia a dia, mas quando há mais tempo, a massa fica sempre diferente! Este pão é mesmo a meu gosto, adoro pães rústicos, densos... ficou lindo!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Olá amiga Dulce! Ficou tão lindo este pãozinho! O de centeio é o mais apreciado cá em casa. Ficou com um aspecto delicioso e muito tentador. Não me importava de o comer acabado de cozer, com manteiga de cabra...hhuuummm... que delícia. ;) Se bem que essa compota de manga também deve ser divinal. ;)
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  8. Tem um aspecto fabuloso!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  9. Gosto muito de pão de centeio e esse ficou "a minha cara" e bem fofinho. Ultimamente não me tenho dado muito bem a fazer pão "à mão", mas acho que é do forno (por ser a gás).
    Ficou lindo demais, bjs
    Susana

    ResponderEliminar
  10. Ficou com um ar fantástico, muito apetitoso. Adoro pão.

    ResponderEliminar
  11. Ai que delícia!!!
    Vou tentar fazer e volto para contar como foi.

    Beijos
    http://eitasoudonadecasa.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  12. Parece mesmo bom! Eu já fico com uma ideia positiva quando leio "pão caseiro", quanto mais quando é "pão amassado à mão"!...
    E esse aí denso, acabado de sair do forno e comido num dia de Inverno deve ser mesmo o ideal! Eu por cá nem tenho máquina de amassar pão, é tudo amassado à mão... mas confesso que geralmente tenho algum receio de amassar massas à mão (tudo quanto levede)... Normalmente as medidas são muito imprecisas, e depois eu fico a pensar "hum, eu amasso muito devagarinho, é melhor amassr mais cinco minutos", mas depois tenho medo de amassar de mais. (ahah, eu e as massas lêvedas...)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Avelã não tenhas medo de amassar desde que depois dês tempo para a massa descansar e levedar.
      Com o tempo habituamo-nos , fazer pão não é um bicho de sete cabeças, o importante é ganhar o gosto.
      Beijinhos.

      Eliminar

Obrigada por deixar comentário.