Pão simples de Trigo e Centeio [Amassado à Mão]

14 de janeiro de 2014 21 comentarios








Um dia de muita chuva com uma vontade enorme de chegar a casa e a ideia (errada) de que ainda tinha pão.
Apesar das duas ajudantes máquina do pão e Bimby decidi que o queria amassar à mão. Talvez porque estava a precisar de relaxar..., pode parecer estranho para quem me estiver a ler, mas há dias em que só me apetece pôr as mãos na massa..., e à medida que as nossas mãos se vão envolvendo nesta em busca do ponto ideal, os pensamentos vão fluindo e o estado de espirito melhora. Sempre achei que existia no acto de amassar um efeito terapêutico! Pelo menos comigo funciona.
Um processo rápido e muito eficaz com um resultado que nos deixa orgulhosos!







Pão simples de Trigo e Centeio Amassado à Mão


Ingredientes:

320 ml de água morna
15 g de fermento fresco de padeiro (biológico)
450 g de farinha de trigo
100 g de farinha de centeio
1 colher de sopa de azeite suave
1 colher de sopa de mel
1 colher de chá de sal fino
sementes de girassol ( podem ser outras a gosto )
+ farinha q.b. para ir juntando até encontrar o ponto ideal da massa


Método:

Dissolver o fermento em água morna.

Colocar num recipiente  as farinhas com o mel  a pitada de sal e com as mãos abrir uma cova ao centro. Aí juntamos a água e vamos amassando com as palmas das mãos e os punhos até obter uma massa moldável e macia. Sempre que necessário juntamos mais farinha para que não se agarre às nossas mãos.

Fazemos uma bola, tapamos com pelicula aderente e um pano. Deixamos levedar.

Podem acelerar este processo colocando um recipiente com água quente por debaixo do recipiente com a massa.

Passados cerca de 30 minutos, temos a nossa massa "crescida" e pronta a ser trabalhada na forma que lhe queiramos dar.

Forramos o tabuleiro do forno com papel vegetal, colocamos o nosso pão em cima.

Neste caso dei-lhe uns cortes à superfície com uma faca bem afiada, pincelei com um pouco de água e decorei com sementes.

Guardei no forno desligado mais uns 20 minutos para que tornasse a "crescer".  Liguei o forno nos 190ºC cerca de 30 minutos . Atenção que este tempo é meramente indicativo, varia de forno para forno.

Depois de cozido deixem arrefecer em cima de uma grelha. Convém fatiar depois de frio .



 
 
Continuação de uma excelente semana para todos e obrigada pelos simpáticos comentários.
Aquele abraço!
 
 
 
 



partilhar esta receita

21 comentários

  1. Fico lindo. Agora comia uma bela fatia com... presunto. Eu sei, eu sei, não tem muito a ver com esse pão tão delicado, mas eu sou assim, uma eterna rebelde... beijocas

    ResponderEliminar
  2. tenho tanta pena de não conseguir amassar o pão à mão tantas vezes quanto queria. não sei porque mas tem outro sabor :)
    um beijinho*

    ResponderEliminar
  3. O teu pão ficou com uma textura fantástica, que delícia!

    ResponderEliminar
  4. Olá minha querida e doce amiga, acabaram-se as férias, e estou de volta cheia de saudades. E olha só o que encontro aqui, um belo pão artesanal, que lhe presenteou com um dia relaxante além da delicia que deve ter ficado. Adoro fazer pães, para mim é também muito relaxante e terapêutico. A textura está muito fofa. Belíssimo pão, como todos que vc sempre faz. Duxita, aproveito a oportunidade e deixo meus votos de um Feliz 2014 à você e sua família, com muita saúde, paz, e alegrias. Beijinhos, ótima semana





    ResponderEliminar
  5. Que belo pão, Duxa.
    Mais um para a minha lista de pães a experimentar ;)

    ResponderEliminar
  6. hmmmm. gosto.
    Amassar pão à mão é realmente terapêutico :)

    ResponderEliminar
  7. Bem me disse a Carla que tinha o pão perfeito para a minha compota :D Ficou com um aspeto bem apetitoso... e casa muito bem com a minha compota :p

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Simples e delicioso! Perfeito :)
    _____________________
    aculpaedasbolachas.com

    ResponderEliminar
  9. Simplesmente fantástico.

    Adorei a sugestão e esta com uma textura fantástica.

    ResponderEliminar
  10. Nunca amassei o meu pão pois as tendinites não me deixam.
    O teu ficou tão lindo que estou aqui a babar...
    E deve ser mesmo muito bom
    bj

    ResponderEliminar
  11. Absolutamente perfeito e com uma textura de dar água na boca.
    Louca por pão como sou (fazer e comer) esta é uma daquelas receitas que me encanta do início ao fim.
    Beijinhos,
    Lia.

    ResponderEliminar
  12. Que lindo pão, Dulce. Maravilhoso! (E, por falar nisso, vou fazer pão senão amanhã não tenho pequeno-almoço.)

    Beijitos*

    Deixo um desafio para uma receita para a minha festa de aniversário! :)



    ______________________
    Ana Teles | Telita
    blog: Telita na Cozinha


    ResponderEliminar
  13. Tem um aspecto fantástico!
    beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  14. Para mim, melhor e mais barato do que uma sessão de terapia.

    ResponderEliminar
  15. Dulce,eu só amasso o pão à mão e sem dúvida nenhuma que fica melhor que na máquina.E pelos vistos o resultado foi um pão com uma bela aparência e boa textura!
    bjns

    ResponderEliminar
  16. E é tão bom amassar à mão às vezes!
    Sabe mesmo bem, que o pão venha das nossas mãos. Lindo Duxa.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  17. Parece muito bom e fofinho! Quando eu faço pão nunca sai muito bem :P Fica muito mole e espalmado. Só saiu bem uma vez, mas foi com farinha para pão por isso não vale :P
    Tenho de experimentar esta, a ver se é de vez :)

    ResponderEliminar

Obrigada por deixar comentário.